Mais Liberdade
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Instagram
  • Linkedin

2022-01-12

Por +Factos

Portugal: Investimentos Rodoviários e Ferroviários desde 1985

A última década do século XX e a primeira do século XXI foram marcadas por fortes investimentos públicos na rodovia, alavancados nos fundos comunitários, após a entrada de Portugal na CEE (atual União Europeia). Em 1990, Portugal tinha apenas 303 km de autoestradas. Dez anos depois, em 2000, já tinha 1.482 km (cinco vezes mais), e em 2010 alcançou 2.737 km, chegando a 3.065 km em 2013, mantendo-se até hoje.

Em sentido contrário, nas últimas décadas desinvestiu-se na ferrovia. De 3.607 km de linhas ferroviárias exploradas em 1985, restam agora apenas 2.500 km, o que representa uma diminuição de 30%. Enquanto Portugal reduziu a extensão ferroviária, a vizinha Espanha, entre 1995 e 2018, aumentou 11% a extensão da sua linha ferroviária (Pordata).

Um artigo do Público, de 2018, destaca que "nenhum plano ferroviário foi cumprido desde o Estado Novo". Acrescentam que "na história da democracia, raro foi o governo que não resistiu a apresentar o seu plano para os caminhos-de-ferro sem que, no entanto, o tenha executado". (https://loom.ly/JPasiM0)

Instituto +Liberdade

Em defesa da democracia-liberal.

  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Instagram
  • Linkedin

info@maisliberdade.pt

© Copyright 2021 Instituto Mais Liberdade - Todos os direitos reservados

Este website utiliza cookies no seu funcionamento

Estas incluem cookies essenciais ao funcionamento do site, bem como outras que são usadas para finalidades estatísticas anónimas.
Pode escolher que categorias pretende permitir.

Este website utiliza cookies no seu funcionamento

Estas incluem cookies essenciais ao funcionamento do site, bem como outras que são usadas para finalidades estatísticas anónimas.
Pode escolher que categorias pretende permitir.

Your cookie preferences have been saved.